Ponte é ponto de honra nos planos do prefeito de Cândido Mendes

Uma ponte sobre o Rio Maracaçumé, ligando a sede de Cândido Mendes a vários povoados do seu território (40%) e a municípios localizados em seu entorno é o grande desafio do prefeito Jose Bonifácio Rocha de Jesus (Facinho). A população espera este projeto há anos e sua realização promoverá a definitiva integração territorial de áreas dispersas. A principal ligação será com Turiaçu e o trajeto entre algumas localidades será diminuído em até 50 quilômetros. Quem partir de São Luís para a região também ganhará em rapidez, segurança e comodidade.

A proposta de parceria para o projeto foi discutida com Dino durante a visita e o prefeito acredita que sensibilizou o governador para se associar à iniciativa. Duas propostas estão colocadas: a ligação pelo Porto do Raul, terá 170 metros de extensão, e é a que se constitui de valor mais elevado; e a que tem o Porto da Jussareira (ou Juçareira) como referencial, com 130 metros, de preço mais módico, estimado pelo prefeito em R$ 10 milhões. Esta é a que tem maiores chances de realização, conforme Facinho.

Negociações – O prefeito já iniciou negociações com a Caixa para conseguir os recursos que representem sua contrapartida no projeto, que seria de 50%; a outra parte seria assunto de negociações com outros parceiros. Facinho acredita que sensibilizará o Governo do Estado a filiar-se à iniciativa. Os contatos iniciais não tiveram as posições divulgadas, mas pela importância socioeconômica da obra de arte, não desestimularam os interlocutores.

A comunidade política local acredita que, também, poderá atrair a participação do deputado federal Josimar Maranhãozinho, grande liderança desta parte geográfica do Maranhão, e cujas pretensões de disputar o governo do Estado poderá leva-lo a assumir este compromisso. O prefeito não confirmou se já conversou com o parlamentar sobre sua contribuição, por meio de emenda parlamentar, ao projeto. Mas pela participação na vida política e administrativa da região, acredita Facinho, o deputado é “pule de dez” na realização do empreendimento.

Barateamento – Determinado a construir a ponte, o prefeito esteve em Parauapebas (PA) estudando a possibilidade de conseguir sobras de trilhos para fortalecer a estrutura da obra, de modo a baratear os custos, sem comprometer a segurança e a durabilidade do empreendimento. A pretensão é pôr fim às estruturas de madeira em pontes no município que, além de sacrificar o meio ambiente, exigem correções de curtos períodos e mostram fragilidade quando atingidas por fenômenos da natureza.

O Rio Maracaçumé é um curso d’água localizado no Maranhão. Sua bacia hidrográfica possui área de 7.756,79 quilômetros quadrados, correspondendo a 2,34% da área do Estado. Fazem parte dessa bacia os municípios de Luiz Domingues, Godofredo Viana, Amapá do Maranhão, Junco do Maranhão, Maracaçumé, Centro do Guilherme, Maranhãozinho, Governador Nunes Freire, Cândido Mendes e Turiaçu[3]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.