CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO MANIFESTA PESAR PELO FALECIMENTO DA ENFERMEIRA MARLÚ RIBERO


O Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (COREM) manifestou pesar e consternação pelo falecimento de Marlú Costa Ribeiro, a primeira profissional de saúde, servidora do município de Pinheiro, que atuava na linha de frente de combate à Covid-19, a falecer em virtude da doença.

Isso demonstra que o falecimento da enfermeira Marlú,continua repercutindo. A perda dessa profissional sensibilizou toda a classe de profissionais da saúde. Ela que tinha 30 anos de idade, faleceu na última segunda-feira, dia 25 de maio.

O COREM é o órgão que fiscaliza e disciplina o exercício profissional da Enfermagem maranhense e de suas funções auxiliares, fazendo uso dos princípios éticos, legais e científicos. A Enfermagem está na linha de frente do combate ao Novo Coronavírus, enfrentando seus próprios medos, para cuidar daqueles que precisam.

“Os enfermeiros são a retaguarda. Reforçamos, neste momento, nosso compromisso com cada profissional de fazer tudo o que se fizer necessário para protegê-los,” diz a nota.

Veja a Nota:

É com muito pesar que a Junta Interventora do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) no Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (Coren-MA) informa o falecimento da enfermeira Marlú Costa Ribeiro, de 30 anos de idade, que aconteceu na última segunda-feira, dia 25 de maio, na cidade de Pinheiro. Infelizmente a profissional veio a óbito em virtude da Covid-19.

A enfermeira chegou a atuar como coordenadora de enfermagem do Hospital Materno Infantil, em Pinheiro. Ele apresentou os sintomas e foi encaminhada para o Hospital Antenor Abreu, mas depois foi transferida para o Hospital Macrorregional, pois o seu quadro de saúde piorou. A profissional não resistiu e faleceu na segunda-feira.

Marlú Costa foi a primeira profissional de saúde servidora do município de Pinheiro que atuava na linha de frente de combate à Covid-19 a falecer em virtude da doença. Por essa razão, a Prefeitura da cidade decretou luto oficial de três dias.

Neste momento de dor e tristeza, a Junta Interventora do Cofen lamenta profundamente a prematura partida de Marlú Costa, ao mesmo tempo que se solidariza com os amigos, familiares e todos aqueles que conviveram com a profissional nesta vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *