Com a articulação de Roberto Rocha, obras da Biblioteca Central da UFMA são retomadas e serão entregues em 12 meses

As obras para finalização da Biblioteca Central da Universidade Federal do Maranhão – UFMA serão retomadas. Depois de uma paralização de quatro anos, o prosseguimento da reforma foi oficializado com a assinatura da ordem de serviço realizada nesta quinta-feira (12), pelo reitor da universidade, Natalino Salgado.

O capital para investimento é de R$ 5,5 milhões e é proveniente dos recursos disponibilizados pelo Ministério da Educação, com a articulação e apoio do Senador Roberto Rocha (PSDB).

Em março deste ano, em visita às obras já paralisadas, o senador maranhense havia assegurado o seu empenho para garantir o recurso pelo Ministério da Educação. “Só vamos aguardar o orçamento da União abrir para buscar recursos que venham finalizar essa importante obra”, disse o parlamentar, à época.

Com previsão para conclusão da obra em 12 meses, a nova biblioteca terá, em suas novas instalações, uma espaçosa lanchonete, no térreo; as salas multimídia funcionarão no primeiro andar, juntamente com salas de exposição, laboratório, recepção, cabines de estudos individuais e coletivas (Acompanhe aqui imagens da nova Biblioteca Central: https://www.flickr.com/photos/ufmaoficial/50593995443/in/album-72157716857647951).

Distribuído em dois salões, o acervo principal da universidade ficará instalado no segundo andar, com estrutura moderna para acomodar as publicações, mesas, cabines e afins.
Já no terceiro andar será instalada a estrutura para as obras de autores maranhenses, laboratório de restauração e conservação de livros. O pavimento também receberá salas de reunião, salas de processos técnicos de catalogação, dentre outros.


Acervo garantido

O senador Roberto Rocha tem destinado parte do seu mandato para prestar apoio ao bom funcionamento da UFMA.

Ainda no último dia 10 de novembro o reitor Natalino Salgado acompanhou, na Biblioteca Central do Campus São Luís, o trabalho de contagem e verificação das especificações de boa parte dos 19.139 novos livros adquiridos de recurso no valor aproximado de R$ 2 milhões, originados de uma emenda parlamentar concedida pelo senador maranhense à universidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *