Lula nega ter convidado Flávio Dino para o PT

Jornal Valor Econômico 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou nesta terça-feira ter convidado o governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), para se filiar ao PT, etapa inicial para uma eventual candidatura à Presidência da República em 2022.

“Pelo profundo respeito que eu tenho pelo PCdoB, pelo PT, pelo Flávio Dino e pelo Fernando Haddad, jamais convidaria um membro do PCdo B para se filiar ao PT”, postou Lula em sua conta no Twitter.

Nesta terça-feira, o jornal “O Globo” publicou que Dino foi sondado por Lula para voltar ao PT, o que abriria a possibilidade de ele ser o candidato do partido para disputar a Presidência em 2022. Ainda segundo o jornal, não houve um convite formal, mas uma conversa com o ex-presidente, no último dia 18.

Na última segunda-feira, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, mencionou ao Valor outras possibilidades de candidatura para 2022, no caso de o ex-presidente continuar legalmente impedido de se candidatar, em função do seu enquadramento na lei da ficha limpa.

Segundo ela, o governador do Maranhão pode ser vice na chapa petista, ou até encabeçar a chapa. Ela ressaltou, no entanto, que Lula não convidou Flávio Dino para se filiar ao PT, ressalvando que o PCdoB é “nosso amigo e aliado”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *