Vice-governador Carlos Brandão oficializa filiação ao PSB

O vice-governador Carlos Brandão filiou-se ao Partido Socialista Brasileiro (PSB) nesta quarta-feira (23), na mesma cerimônia que se filiou o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. O evento aconteceu na Fundação João Mangabeira, em Brasília, e contou com importantes lideranças da política nacional, entre governadores, prefeitos e parlamentares de todo o país.

Além de Alckmin e Brandão, também se filiou ao PSB, na mesma cerimônia, o senador por Santa Catarina, Dário Berger; e outras nove lideranças políticas. Entre as autoridades presentes estavam ainda os governadores Flávio Dino (Maranhão), João Azevedo (Paraíba), Renato Casagrande (Espírito Santo) e Paulo Câmara (Pernambuco). O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, deu início à cerimônia.

Durante seu discurso, o vice-governador destacou a continuidade do espírito de mudança que acompanhou todo o seu mandato ao lado do governador Flávio Dino.

“O primeiro e importante ponto é que entendo de mudanças. Trabalho ao lado do governador Flávio Dino e posso afirmar que o Maranhão mudou muito. É hora de garantir que a grande mudança iniciada pelo governador Flávio Dino e por mim, continue. Mas também tem coisas que não mudam: o PSB recebe hoje um homem íntegro, honesto, sem processo e com a vida limpa. Hoje tenho a confiança do povo do Maranhão e tenho ainda um compromisso especial com a verdade. Eu acredito no Maranhão. Eu acredito no Brasil”, afirmou Brandão.

Em sua fala, o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin saudou Brandão como sucessor de Flávio Dino e também comentou sua mudança para o PSB.

“Esse partido tem história, tem compromisso com a população. Me sinto em casa porque temos uma origem quase comum. A social democracia e o socialismo quando nasceram, tiveram, em seu princípio, as lutas sociais. Eu disputei com o presidente Lula as eleições, mas nunca nenhum de nós questionou a democracia. A democracia é um valor, é um princípio, é o respeito às pessoas”, destacou Alckmin.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, frisou a importância das alianças para o Maranhão e para o Brasil. “O Maranhão tem muitos desafios e, por isso, quanto mais união, melhor para o nosso estado. O Brandão tem o apoio da imensa maioria dos prefeitos, dos deputados, e eu tenho certeza de que ele tem experiência para dar continuidade a esse processo de mudança positiva do Maranhão”, avaliou.

O tema da retomada e fortalecimento da democracia em todo o Brasil deu o tom dos discursos da cerimônia, assim como a união política em torno da pauta.

“Temos dezenas de filiações importantes junto com Geraldo Alckmin, como o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, que disputará o governo do Estado. As forças progressistas estão tendo a largueza e a compreensão, começando pelo nosso partido, de estar à altura dos desafios que estamos vivendo na democracia do nosso país”, frisou o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira.

Além dos novos filiados, marcaram presença ainda a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffman; o presidente da Fundação João Mangabeira, Márcio França; o prefeito de Recife, João Campos; e o prefeito de Maceió, João Henrique Caldas.

Entre as autoridades maranhenses estavam a prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo; os deputados federais Bira do Pindaré (líder do PSB na Câmara) e Rubens Júnior; os deputados estaduais Fábio Macedo, Duarte Júnior e Leonardo Sá; os vereadores de São Luís, Paulo Victor e Marlon Botão; e secretários de Governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.