Secretário de Saúde de Pinheiro alinha junto ao Governo do Estado pactuação para otimização do atendimento de saúde da Baixada

Não é de hoje que os hospitais da capital, São Luís, estão lotados, com pacientes com quadro clínico de baixa, média e alta complexidade oriundos da Baixada Maranhense. Acontece que com a implantação dos hospitais de atendimento especializados de média e alta complexidade na região muitos desses casos não precisavam ter sido encaminhados para São Luís. Então surgiu a necessidade de rever os protocolos de regulação para esse tipo de atendimento.

Em reunião com o diretor geral do Hospital Carlos Marcieira, Edilson Junior e com o diretor técnico do Hospital Macrorregional, Kaio Hortegal, o secretário municipal de Saúde de Pinheiro, Fred Lobato, acompanhado da secretária adjunta, Denise Dias, acertou os detalhes sobre a pactuação dos municípios com o atendimento do Estado.

A partir de agora apenas o Hospital Regional Dr. Antenor Abreu, localizado em Pinheiro e a Santa Casa, localizada em Cururupu, poderão regular pacientes para o Macrorregional de Pinheiro. Foi realizada uma divisão onde os municípios do litoral iniciando na cidade de Central serão atendidos pela Santa Casa e os demais municípios da região serão atendidos por Pinheiro.
Essa regulação será feita com base na avaliação médica do quadro clínico do paciente, apenas casos graves serão regulados para o Macrorregional e este avaliará o paciente e se necessário encaminhará o mesmo para São Luís.

Essa medida tem a intenção de desafogar os hospitais da capital e otimizar o uso dos leitos disponíveis.
“Essa é uma grande pactuação em favor de um melhor atendimento na baixada, as cidades mais próximas de Cururupu serão atendidas pela Santa Casa e as demais por Pinheiro. A nova organização pretende acabar com a transferência de casos de baixa complexidade, que poderiam ser atendidos pelas unidades de saúde da região, para a capital. Estamos buscando melhorar e organizar o atendimento de forma geral. Quem ganha com isso é a população.” afirmou, o secretário municipal de Saúde de Pinheiro, Fred Lobato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.