Vontade do Povo prevaleceu: Calvet Filho foi reconduzindo ao cargo de Prefeito de Rosário.

De forma totalmente injusta e arbitrária, sem qualquer critério técnico e ao arrepio da Lei, 9 vereadores da Câmara Municipal de Rosário, cassou o prefeito de Rosário e a vice – prefeita, no dia 19 de Maio e na segunda – feira (24), a juiza Karine Lopes de Castro, determinou o retorno de Calvet Filho. “ Nós temos que passar uma borracha, tentaram manchar nossa história, o povo não pode perder em hipótese alguma pelo contrario nos fomos eleitos pelo povo democraticamente para cuidar da nossa gente, aqui só tem amor, aqui só tem carinho e foi pra isso que Deus levantou pra fazer a diferença e isso só serviu pra mostrar que nós estamos no caminho certo e que o povo de Rosário nos aprova,” disse o prefeito.

“ É claro que a gente entende que a soberania popular, a força do voto do povo tem que ser respeitada, temos que mostrar para a população que acima de tudo para o Brasil para o mundo que em cinco meses de administração é impossível fazer julgamento, certamente o Calvet vai ser julgado mais lá na frente, mas não agora, não por uma Câmara, por que 9 pessoas não pode sobrepor a mais de 11 mil pessoas , por tanto está restabelecido a ordem , vamos trabalhar juntos e eu digo sempre deixa o homem trabalhar para o povo saber que o compromisso que ele tem com o seu povo,” Deputado Estadual Adelmo Soares.

Segundo a juíza, a votação que cassou o mandato de Calvet e da vice, Cláudia Anceles, ocorreu de forma nominal e aberta, o que teria ferido o regimento da Câmara, que determina votação secreta. Após a decisão, a Câmara de Vereadores teve que reempossar Calvet como prefeito do Município.

“É algo hilário no estado do maranhão, jamais visto no país em se cassar prefeito e vice em menos de 5 meses de gestão, onde o prefeito não cometeu nenhuma irregularidade, estão baseados em decretos emergenciais que foram publicados no portal da transparência, foram colocados a disposição no TCE, e logo fica claro que se ele tivesse mal intencionado não dava publicidade aos seus atos, diante desse acervo eles juntaram documental eles formaram um processo com base em denúncias de pessoas de suas cofianças e rolou esse processo em tempo recorde cheio de ilegalidades, onde não há provas que pudesse a uma cassação inédita, mas em Rosário aconteceu lamentavelmente e hoje a justiça de forma ordeira e pacifica e reconduziu o prefeito, que foi eleito pela vontade popular, pelo voto livre, soberano a conduzir o destino de Rosário para qual foi eleito e nós temos orgulho de estar fazendo parte desse momento, dessa história do retorno de Calvet, com a sociedade presente que voltou em calvet Filho é quer Calvet como prefeito dessa cidade,” declarou o vereador Necó.
Calvet agradeceu todos que o apoiaram, a vontade popular prevaleceu.

“Eu quero agradecer todo apoio do estado do maranhão os amigos e amigas, os deputados que estiveram sempre ao nosso lado como exemplo o Deputado Estadual Adelmo Soares, Deputado Federal Aluísio Mendes, Deputado Duarte Junior que demonstrou estar preocupado e do nosso lado, do lado da justiça e muitos prefeitos de todo o estado, obrigado á todos de coração,” destacou Calvet.

“ Nós estamos de braços abertos para acolher – lós e quem quiser vim para o lado do amor, do trabalho venha pra cá , vamos somar forças, nós temos 4 vereadores guerreiros que estão nessa luta, mas nós queremos que todos os vereadores façam parte dessa transformação , é um momento difícil de pandemia e precisamos nos unir para Rosário volte a crescer e que o nosso povo volte a sorrir de novo,” finalizou o prefeito Calvet Filho.

“ O resgate ao nosso povo, ao o que o povo decidiu é algo inevitável por que o vereador é eleito para cuidar do mesmo povo por quem foi eleito, então tem que haver essa reciprocidade, na verdade cassação, é um projeto de destruição dos interesses da sociedade e não procede o que foi em Rosário,” Sec. De Ação Social João Batista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.