Primeiro caso de execução em São Luis em 2020: agente penitenciário é assassinado

Em menos de uma semana, dois agentes penitenciários foram executados, crime com características de vingança ou de pistolagem. A primeira vítima deste novo ano foi um agente penitenciário mais conhecido por Carlos, que foi morto a tiros na Cohab, hoje, dia 03 (sexta-feira).

O agente estava parado em frente a uma agência do Banco Bradesco naquele bairro quando uma moto se aproximou e o passageiro da garupa fez os disparos fatais.

Socorrido e sangrando bastante, o agente ainda chegou a ser levado para o hospital Socorrão II, na Cidade Operária, mas não resistindo aos ferimentos, veio a óbito.

Antes do início de 2020, em 29 de dezembro do ano passado, o agente penitenciário Antônio Duarte foi executado quando estava sentado na porta de sua residência, na Vila Mauro Fecury II. Até hoje ninguém sabe quem são os responsáveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.