Palestras devem conscientizar as mulheres sobre violência doméstica em Igarapé Grande

Um ciclo de palestra sobre todo tipo de violência doméstica e outras mais, celebra todo o mês de março em alusão ao dia Internacional (8) da Mulher ou o mês da Mulher – A palestra nesta quinta-feira (14), acontece na residência da vereadora Rosane do Laio (DEM), por volta da 16:00h, no povoado Santo Antônio dos Vieira, em Igarapé Grande (MA).

A campanha em que estão inseridas as palestras tem a finalidade de levar para os participantes e, ou ouvintes, informações preventivas das violências domésticas que se tornam corriqueiras, atualmente, contra as mulheres. E o objetivo vai mais longe ao conscientizar as mulheres, também, sobre os seus direitos e que a violências contra elas é crime.

Secretária Municipal da Mulher Eliane Oliveira

Segundo a secretária de Políticas para as Mulheres Eliane Oliveira, cabe as mulheres que sofrem determinado tipo de violência, procurar os órgãos competentes que existe no município ou na rede estadual, para denunciar ou buscar ajuda no caso da existência de violência contra ela, ou através do disque 180 e a ouvidoria do estado, que dentro da pasta da mulher os órgãos funcionam e de certa forma elas são amparadas.

“Hoje as mulheres são amparadas pela Lei 11.340 que é a Lei Maria da Penha, por isso elas precisam conhecer seus direitos, assim, como os órgãos que existem para ampará-las sobre as violências que a mulher possa vir a sofrer como a violência sexual, patrimonial, psicológica assédio e outras, que é crime,” disse a secretária da Mulher Eliane Oliveira.

A Lei Maria d Penha – Lei 11.340/06 – Lei 11.340, de 07 de agosto de 2006, cria mecanismo para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, nos termos do § 80 art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres e da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher; dispõe ainda sobre a criação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; altera o Código de Processo Penal, o Código Penal e a Lei de Execução Penal.

CALENDÁRIO DE PALESTRAS

15/03 – No Angical às 16:00h na Igreja Católica;

18/03 – Em Igarapé Grande, as 16:00h, no Colégio Chagas Costa;

19/03 – No Cariri, as 15:00h, na Escola Pinheiro de Moura;

22/03 – Nas Vilas, as 15:00h, na Escola Francisca Matias.

A campanha de conscientização da mulher sobre a violência doméstica tem o total apoio da Prefeitura Municipal de Igarapé Grande e do prefeito Erlanio Xavier (PDT).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.